DO HOSPÍCIO PEDRO II À LEI 10.216 de 2001: UMA RELAÇÃO ENTRE A HISTÓRIA DA LOUCURA E OS DIREITOS HUMANOS NO BRASIL

Érika Hasse Becker Neiverth, Maria Karolina dos Santos, Kelly de Lara Soczek

Resumo


O presente trabalho teve como objetivo principal refletir sobre a importância da reforma psiquiátrica no Brasil e a relação deste processo com os direitos humanos. Para tanto, realizou-se um breve percurso histórico da loucura em nosso país desde a fundação do Hospício Pedro II até a promulgação da Lei 10.216 de 2001.Concluímos que avanços já foram realizados, porém ainda há muito o que se fazer pelos direitos das pessoas com transtornos mentais.

Texto completo:

PDF

Referências


BRASIL. Ministério da Saúde. Lei n. 10.216, de 6 de abril de 2001. Dispõe sobre a proteção e os direitos das pessoas portadoras de transtornos mentais e redireciona o modelo assistencial em saúde mental. Disponível em Acesso em maio de 2018.

BRASIL. (ABR de 2001). LEI No 10.216, DE 6 de abril de 2001.proteção e osdireitos das pessoas portadoras de transtornos mentais.

Correia, L. O movimento antimanicomial: movimento social de luta pela garantia e defesa dos direitos humanos. Rev. Prima facie v. 5, n. 8: 83-97, 2006. Disponível em Acesso em setembro de 2018.

DALGALARRONDO, P. Definição de psicopatologia e ordenação dos seus fenômenos In: DALGALARRONDO, P. Psicopatologia semiologia dos transtornos mentais.2 ed. Porto Alegre. Ed. Artmed, 2008.

Organização Mundial da Saúde. Livro de Recursos da OMS sobre Saúde Mental, Direitos Humanos e Legislação. Genebra: WHO; 2005

Torre, E. H. G. & Amarante, P. Protagonismo e subjetividade: a construção coletiva no campo da saúde mental Ciência & Saúde Coletiva, 6(1):73-85, 2001

WEYLER, Audrey Rossi. A loucura e a república no Brasil: a influência das teorias raciais. Psicol. USP, São Paulo , v. 17, n. 1, p. 17-34, mar. 2006 . Disponível em . acessos em 16 set. 2018. http://dx.doi.org/10.1590/S0103-65642006000100003.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.