A IMPORTÂNCIA DO EXERCÍCIO FÍSICO PARA O BEM-ESTAR PSICOLÓGICO

Karime Podolan, Camile Gerhards Weinert, Orlei de Paula Mendes, Gustavo Braun Weinert, Cristiane Aparecida Costa

Resumo


A presente pesquisa busca apresentar a importância do exercício físico para o bem-estar psicológico, baseando-se em alguns autores. Constitui-se em uma pesquisa bibliográfica. São objetivos desse estudo demonstrar os benefícios da atividade física, priorizando a qualidade de vida. Também será apontada a relevância do esporte na recuperação da depressão, e o papel do psicólogo. É possível afirmar que a prática de exercícios físicos contribui para o bem-estar psicológico e causa melhoras em pacientes depressivos.

Texto completo:

PDF

Referências


ANIBAL, C; ROMANO, L. H; RELAÇÕES ENTRE ATIVIDADE FÍSICA E DEPRESSÃO: ESTUDO DE REVISÃO. Revista Saúde em Foco – Edição nº 9. 2017. Acesso em: 23 de setembro de 2018 às 18h50min. Disponível em: http://unifia.edu.br/revista_eletronica/revistas/saude_foco/artigos/ano2017/021_artigo_cintia.pdf

ANDRADE, R. V; SILVA A. F; MOREIRA F.F; SANTOS H. P; DANTAS H. F; ALMEIDA I. F; LOBO L. P. B; NASCIMENTO M. A; Atuação dos neurotransmissores na depressão. Ver. Bras. Ciênc. Farm. [periódico na Internet]. 2003 jan./mar. Acesso em: 23 de setembro de 2018. Disponível em: http://www.saudeemovimento.com.br/revista/artigos/cienciafarmaceuticas/v1n1a6.pdf.

COLL, C; MARCHESI, A; PALÁCIOS, J; Desenvolvimento Psicológico e Educação. Porto alegre: Artmed, 2004.

FILHO, I. B; JESUS, L. L de; ARAÚJO, L. G. de; Atividade física e seus benefícios à saúde. Disponível em: https://www.inesul.edu.br/revista/arquivos/arq-idvol_31_1412869196.pdf Acesso em: 25 de setembro de 2018 às 15h38min.

GLANER, M. F. Nível de atividade física e aptidão física relacionada à saúde em rapazes rurais e urbanos. Rev. paul. Educ. Fís. São Paulo, 16(1): 76-85, jan./jun. 2002.

MELLO, Marcelo Feijó de. Terapia Interpessoal: um modelo breve e focal. Rev. Bras. Psiquiatr., São Paulo, v. 26, n. 2, p. 124-130, junho de 2004. Disponível em: . Acesso em 27 de setembro de 2018. http://dx.doi.org/10.1590/S1516-44462004000200010.

MORAES, Helena et al. O exercício físico no tratamento da depressão em idosos: revisão sistemática. Rev. psiquiatr. Rio Grande do Sul, Porto Alegre, v. 29, n. 1, p. 70-79, Apr 2007. Disponível em: . Acesso em: 23 de setembro de 2018 às 13h45min.

OLIVEIRA, V. I. M. de; Depressão e atividade Física. Marco de 2014. Disponível em: http://www.listasconfef.org.br/comunicacao/banco_de_ideias/VivianeOliveira.pdf Acesso em: 26 de agosto de 2018 às 20:25.

SCHESTATSKY, Sidnei; FLECK, Marcelo. Psicoterapia das depressões. Rev. Bras. Psiquiatr., São Paulo, v. 21, supl. 1, p. 41-47, maio de 1999. Disponível em: . Acesso em 27 de setembro de 2018. http://dx.doi.org/10.1590/S1516-44461999000500007.

WEINBERG, S. R; Gould, D; Fundamentos da Psicologia do Esporte e do Exercício.

Trad. Maria Cristina Monteiro. Porto Alegre: Artmed, 2001.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.