EMPREENDEDORISMO – O PAPEL DA SECRETÁRIA

Ana Cláudia Aparecida De Mattos, Luciana Delezuk Inglez Gomes

Resumo


O profissional de Secretariado Executivo está cada vez mais qualificado e apto a exercer as exigências das organizações, deste modo, este trabalho pretende verificar se a secretária e as profissionais liberais podem atuar no ramo de empreendedorismo nas suas organizações. O objetivo geral do trabalho é compreender a atuação das secretárias e das profissionais liberais como empreendedoras nas organizações, além de identificar as dificuldades existentes dentro das empresas e conhecer o perfil da mulher empreendedora dentro das organizações. Para a realização desta pesquisa optou-se por elaborar um questionário com treze questões objetivas as quais foram respondidas por quatro mulheres empreendedoras que trabalham nas mais diversas áreas, no município de Ponta Grossa – PR. Por meio desta pesquisa foi possível constatar que as mulheres, assim como as secretárias executivas, podem atuar como empreendedoras liberais e que muitas destas adentraram a este ramo de trabalho por necessidade. Como embasamento desta pesquisa foram utilizadas as teorias de Portela e Schumacher (2009), Sertek (2007) e Dornelas (2016).


Referências


BIRLEY, Sue, MUZYKA, Daniel F, Dominando os Desafios do Empreendedor,editora ABDR, afiliada, São Paulo,2001, p.335.

CHIAVENATO, Idalberto, Empreendedorismo – Dando Asas ao Espírito Empreendedor, 4ª edição, Barueri, São Paulo, editora Manole, 2012, p.315

DOLABELA, Fernando, Oficina do Empreendedor, 6º edição, São Paulo, editora de Cultura, 1999, p. 280

DOLABELA, Fernando, Oficina do Empreendedor – A Metodologia de ensino que ajuda a transformar conhecimento em riqueza, Sextante, Rio de Janeiro, 2008, p.320

DORNELAS, José Carlos Assis; Empreendedorismo – Transformando ideias em negócios, 2ª edição, Rio de Janeiro, Elsevier, 2005, p.300

DORNELAS, José, Empreendedorismo – Transformando ideias em negócios, 6ª edição, editora Atlas, S.A, São Paulo, 2016, p.270

DRUCKER, Peter Ferdinand; Inovação e Espírito Empreendedor – Prática e Princípios,1ª edição, editora Cengage Learning, São Paulo, 2011, p.380

FRANKEL, Lois P. – Mulheres lideram melhor que homens, 2ª edição, editora Gente, São Paulo,2007, p.194

GIL, Antonio Carlos, Como elaborar Projetos de pesquisa, 5º edição, editora atlas, São Paulo, 2010, p.184

HINDLE, Tim, Como Liderar Reuniões, série sucesso profissional, seu guia de

estratégia pessoal editora Publifolha, 1999, p. 72

NASCIMENTO, Décio Estevão Do, Ambientes e dinâmicas de cooperação para Inovação, série UTFInova, editora Aymará, Curitiba 2011,p.120

PORTELA, Keyla Christina Almeida, SCHUMACHER, Alexandre José, Gestão Secretarial – O desafio da visão holística, Volume I, Editora Adeptus ,Cuiabá 2009, p. 288

PORTO, Maria de Fátima Silva, De batom e salto alto – experiências de mulheres empresárias – patos de minas 1980-1990, 1º Edição, São Paulo, Annablume, 2002, p. 318

ROBERT, Heller, Como Tomar Decisões, série sucesso profissional, seu guia de estratégia pessoal Editora Publifolha, 1999, p. 72

SERTEK, Paulo, Empreendedorismo, 4º Edição, Editora IbpexIdealógica, Curitiba 2007, p. 202.

SERTEK, Paulo, Empreendedorismo, 5ª Edição, Editora IbpexIdealógica, Curitiba, 2012, p.244.

SILVA, Edna Lucia da, MENEZES, EsteraMuszrat – Metodologia da pesquisa e elaboração de dissertação, 4ed, Florianópolis: VFSC, 2005.p.138

MEDEIROS, José Bosco, Hernandes, Sonia – Manual da Secretária, ed. São Paulo, Atlas, 2004. p.

NEIVA, Eméa Garcia, D’Elia, Maria Elizabete Silva – As Novas Competências do Profissional de Secretariado, 3ª edição, São Paulo:IOB, editora Folhamatic, 2014, p.260.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.